spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

“Se não tiver base científica, ele vai pagar” diz Lira sobre fala de Bolsonaro ligando vacina contra a Covid com Aids

O presidente da Câmara Federal, Arthur Lira (PP) comentou nesta segunda-feira (25) a reação das redes sociais, que excluíram de suas plataformas o vídeo do presidente Bolsonaro em que ele lê uma notícia falsa ligando as vacinas contra a Covid-19 com a contaminação pelo HIV, causador da Aids.

Arthur Lira (PP), presidente da Câmara Federal (14/09/2021)
Foto: Adriano machado (Reuters)

Se ele (Bolsonaro) não tiver nenhuma base científica [no que disse], ele vai pagar por isso“, disse Lira ao ser questionado sobre o assunto durante um seminário sobre o agronegócio em São Paulo.

A doença que Bolsonaro tentou associar à vacinação contra a Covid-19, de maneira considerada completamente absurda, só pode ser transmitida por relações sexuais ou durante a aplicação de hemoderivados contaminados com o HIV e cientistas não descobriram nenhuma relação da Aids co a vacina contra a Covid-19.

A afirmação do presidente ocorreu um dia após a leitura do relatório final da CPI da Covid, que pediu seu indiciamento por nove crimes em função de sua conduta durante a pandemia. A live foi apagada na noite de domingo.

O Comitê de HIV/aids da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) afirmou, por nota, que não há relação conhecida entre qualquer vacina contra a Covid-19 e o HIV, e repudiou “toda e qualquer notícia falsa que circule e faça menção a esta associação inexistente“.

.ultimas

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.Siga-nos

16,985FãsCurtir
15,748SeguidoresSeguir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.destaques