spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Saúde autoriza estados e municípios a usar estoque de Coronavac para crianças

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, falou em coletiva de imprensa, nesta sexta-feira (21), que os estados e municípios estão autorizados a imunizar as crianças com os lotes de vacina Coronavac que tenham em estoque.

Secretário-Executivo do Ministério da saúde Rodrigo Cruz autoriza uso da CoronaVac em estoque para imunização infantil
Foto: Reprodução (Governo Federal)

Ele informa que um levantamento prévio apontou que os estados brasileiros têm aproximadamente três milhões de doses da vacina. E acrescentou que elas devem ser utilizadas imediatamente nesse público.

O secretário da pasta diz que já há conversas com secretarias estaduais para entender qual o estoque do imunizante e programar as distribuições do governo federal. “Segunda-feira (24) é o prazo para que os estados e municípios enviem essas informações para o ministério.”

Cruz informa que a pasta tem cerca de seis milhões de doses da vacina contra a Covid-19 que já estão sendo distribuídas conforme a necessidade de cada estado.

Recomendações da vacinação:

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o uso da vacina Coronavac contra a Covid-19 em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de idade no Brasil, no dia 20, quarta-feira, com restrição da aplicação em imunossuprimidos dessa faixa etária.

Cruz disse que a dose é a mesma aplicada nos adultos. “Exatamente a mesma vacina que é aplicada nos adultos pode ser aplicada então nessa faixa etária de 6 a 17 anos. O intervalo adotado entre a primeira e a segunda dose é 28 dias.”

O secretário também diz que a recomendação da Anvisa é que as doses não podem e não devem ser aplicadas em crianças e adolescentes dessa faixa etária que são imunocomprometidas.

“O que são algumas recomendações adicionais que agência reguladora traz para aplicação dessas vacinas nessa faixa etária, é importante que tenha o treinamento de equipes aplicação para que se evite erro de vacinação”, explica.

Fonte: CNN Brasil

.ultimas

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.Siga-nos

16,985FãsCurtir
15,748SeguidoresSeguir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.destaques