spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Ex-jogador do Barcelona de Guayaquil é assassinado a tiros em meio á onda de violência no Equador

O jogador de futebol Jair Lemos, de 23 anos, que teve passagem nas categorias de base do Barcelona de Guayaquil, foi assassinado na segunda-feira (8), em Guayaquil, no Equador, em maio à onda de violência praticada por facções criminosas no país.

Assassinado aos 23 anos no Equador, Jair Lemos tinha passagem pela categoria de base do Barcelona Guayaquil / Foto: Reprodução (Paraná Online)

Familiares do jogador relataram que o jovem foi alvejado por homens em uma motocicleta quando participava de um velório e não resistiu aos ferimentos.

Em nota o clube lamentou a morte precoce de Jair. “O Barcelona Sporting Club expressa suas mais profundas condolências à família e amigos de Jair Lemos, que em vida foi jogador de nossas categorias de bass. Todos nós que integramos a instituição expressamos nossas mais profundas condolências aos seus familiares e amigos, unindo-nos à sua dor neste momento. Voe alto, Jair!", disse o comunicado.

Crise:

O Equador, que vive crise com aumento da violência desde a pandemia da covid-19, viu a escalada da criminalidade piorar na última semana, com onda de ataques, explosões e sequestros por todo o país. Os ataques levaram o presidente do Equador, Daniel Noboa, a declarar guerra às gangues de drogas que mantêm reféns vários reféns, incluindo agentes penitenciários. 

As mortes violentas subiram para 8.008 em 2023, segundo o governo, quase o dobro do número de 2022. No mesmo ano, o candidato a presidência, Fernando Villavicencio, foi assassinado durante campanha eleitoral.

.ultimas

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.Siga-nos

16,985FãsCurtir
15,748SeguidoresSeguir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.destaques