spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Corinthians goleia a Ponte Preta e deixa o rival em situação delicada

Novidade na escalação do Corinthians, Gustavo Mosquito se destacou e ajudou o time a vencer a Ponte Preta por 5 a 0, neste sábado (12), na Neo Quìmica Arena.

Mosquito entrou no time no lugar de Giuliano e foi fundamental para garantir os três pontos para sua equipe em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. O placar foi péssimo para a Ponte, que está em situação delicada, na zona de rebaixamento.

Renato Augusto, do Corinthians, comemora o seu gol sobre a Ponte Preta durante partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Paulista / Foto: Reprodução (Estadão Conteúdo)

No início o Timão tomou a iniciativa da partida e na formação do técnico Vitor Pereira, Gustavo atuava no meio, ao lado dos experientes Paulinho e Renato Augusto, e Willian tinha liberdade para formar uma dupla de ataque com Róger Guedes. Foi com essa configuração ofensiva que o dono da casa pressionou.

Nos chutes de Renato Augusto e de Róger Guedes, o Coringão teve duas boas oportunidades. Até que aos 14 minutos, numa arrancada de Gustavo, a bola sobrou para Renato Augusto que mandou no canto e abriu o placar.

Após ficar em desvantagem, a Ponte teve uma chance com Ribamar, que partiu em velocidade, driblou Cássio, mas ficou sem ângulo e acabou mandando para fora. Depois disso, o time de Campinas quase não criou mais nada ofensivo e aos poucos o Corinthians foi construindo as jogadas para matar o jogo ainda no primeiro tempo.

Aos 44, Fagner recebeu na direita e cruzou para a área. A bola encontrou Paulinho livre que, de primeira, marcou o segundo gol do Corinthians. A torcida ainda comemorava quando Gustavo recebeu na área e mandou na trave. E três minutos depois, ele recebeu ótimo passe de Willian e tocou por cobertura, de cavadinha, fazendo o terceiro.

Com a vitória praticamente garantida, o Corinthians continuou dominando no segundo tempo e aos 16 fez o quarto gol, após Adson receber um lindo passe de Fagner e tocar na saída do goleiro. A partir daí o técnico Vítor Pereira mexeu mais na equipe, descansando alguns importantes jogadores como Róger Guedes e Renato Augusto, já de olho no próximo compromisso.

Apesar da enorme diferença técnica entre os times, a Ponte Preta quase fez seu gol quando Pedro Júnior invadiu a área, driblou Cássio e mandou para o gol, mas Fagner salvou em cima da linha. Depois, Kevin foi expulso e minou qualquer chance de o time de Campinas sonhar com algo mais na partida. E no finalzinho Mantuan fez o quinto, fechando a goleada.

O resultado dá moral para o Corinthians disputar o clássico de quarta-feira (16), contra o Palmeiras, em jogo atrasado da 6ª rodada. Do outro lado, a Ponte vai para a última rodada contra o Ituano fazendo contas, precisando vencer e torcer por uma combinação de resultados para se livrar da degola.

.ultimas

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.Siga-nos

16,985FãsCurtir
15,748SeguidoresSeguir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever
Publicidadespot_imgspot_imgspot_imgspot_img

.destaques